Em Jaraguá, 116 prefeitos respaldam reeleição de Caiado

Eleito em 2018 com o apoio de 14 prefeitos, o governador Ronaldo Caiado (União Brasil) presenciou uma mudança no cenário na tarde deste sábado (26/03), quando 116 gestores municipais endossaram sua pré-candidatura à reeleição durante o 1º Encontro Regional do União Brasil e Partidos Aliados, realizado em Jaraguá. O evento reuniu representantes de mais de uma centena de municípios, além de uma militância confiante que entoou o grito “É primeiro turno”, sobre o que espera das urnas em outubro.  

O pré-candidato atribuiu o apoio maciço à sua conduta desde o início da gestão. “Nunca atrasei um dia sequer dos repasses às prefeituras”, relatou Caiado. “E eles sabem: nunca distingui prefeito. Tenho acolhido e recebido todos de braços abertos para transformar Goiás numa referência de boa gestão”, continuou. “Ninguém faz nada sozinho, não tenho essa vaidade”, afirmou o governador. 

O prefeito de Palmeiras de Goiás, Vando Vitor (PSDB), é prova disso. Se sentiu confortável ao subir no palco para anunciar que vai caminhar junto com o governador Ronaldo Caiado nas eleições, apesar das divergências partidárias. “Não estou olhando para a política, mas para o povo de Palmeiras”, pontuou ao elencar algumas ações da atual gestão junto à cidade. “Minha vinda aqui é por gratidão”, reconheceu. 

Outro testemunho foi dado pelo prefeito de Trindade, Marden Júnior (Patriota). “Demorou 100 anos para nossa cidade ter leito de UTI, e isso é um mérito do senhor”, contou a Caiado. O prefeito de Hidrolândia, José Délio (União Brasil), falou do contraste entre o grande evento em Jaraguá e o da oposição, também realizado hoje, em sua cidade. “O ex-governador esteve lá, com quase ninguém e não tinha o que falar. Eu tenho, porque Caiado, em uma semana, está entregando uma quadra, Goiás em Movimento, Vapt Vupt e construção de 50 casas. E eles não fizeram nada em 20 anos”, enumerou. 

As declarações favoráveis à reeleição de Caiado vieram de todos os lados, desde aliados de primeira hora até de legendas que foram oposição no último pleito. “Quando nós, do MDB, decidimos apoiar sua reeleição, identificamos 15 mil motivos. Hoje, são pelo menos 44 mil”, brincou o prefeito de Campos Verdes e presidente da Federação Goiana dos Municípios (FGM), Haroldo Naves (MDB), em alusão aos dígitos de seu partido, o 15, e do União Brasil (44). “Vamos rodar os 246 municípios para levar suas propostas”, completou o prefeito de Goianira e presidente da Associação Goiana dos Municípios (AGM), Carlão da Fox (União Brasil). 

No campo de novos aliados, o ex-prefeito de Trindade Jânio Darrot (Patriota) reconheceu o empenho de Caiado para colocar o Estado em ordem. “Tenho a convicção de que estamos fazendo o certo por Goiás e pelo povo. Esse governador merece mais um mandato”, opinou. Já a ex-senadora Lúcia Vânia (União Brasil) falou da satisfação em finalmente caminhar do mesmo lado que o governador, a quem elogiou pela conduta na condução da crise provocada pela pandemia de Covid-19 e pelo lançamento de vários programas sociais. “Os senhores estão aqui motivados por um governador humano”, disse aos prefeitos.

O anfitrião do evento, prefeito Paulo Vitor (União Brasil), disse que Jaraguá é uma espécie de amuleto da sorte para Caiado. “Foi há quatro anos que o governador começou isso tudo aqui, na nossa cidade. Jaraguá foi pé quente e deu a vitória para o nosso governador”, declarou, sob aplausos. 

O encontro também teve também a participação de deputados estaduais e federais, vereadores, lideranças políticas e representantes de partidos da base aliada que ser revezaram em discursos de reconhecimento ao trabalho desempenhado pelo atual governador. O próximo encontro, conforme anunciou o pré-candidato, deve ocorrer em Quirinópolis, no Sudoeste goiano.