Pelo União Brasil, Fábio Garcia assume vaga no Senado Federal

O ex-deputado federal Fábio Garcia (União Brasil – MT) tomou posse, nesta quarta-feira (6), no Senado Federal. O novo senador é primeiro suplente de Jayme Campos, que entrou de licença pelo período de quatro meses. Em seu discurso de posse, Garcia disse que terá uma posição de “independência” na Casa e que trabalhará para amenizar as desigualdades sociais de Mato Grosso e do país. “Assumo o Senado Federal em uma posição de independência, sem amarras, o que me permite trabalhar de forma livre e independente para tudo aquilo que seja bom para o meu estado de Mato Grosso e para o nosso país”, afirmou.

Além de ex-deputado, Fábio Garcia foi secretário de governo de Cuiabá e tem vasta experiência na iniciativa privada. De acordo com ele, suas principais bandeiras no Senado serão lutar pela desburocratização do país, redução da carga tributária, geração de emprego e combate à inflação. “A escalada de preços dos combustíveis, da energia, do gás de cozinha e das commodities encarece a vida do brasileiro e empobrece o nosso povo. Vamos combater a pobreza e a desigualdade social. Precisamos valorizar nossa moeda, o real, diminuir a taxa de juros para que o custo Brasil seja menor a todos os brasileiros; para que o país possa ser mais competitivo, gerar mais empregos, mais oportunidades para as pessoas e que assim melhoremos a condição de vidas dos nossos cidadãos”, frisou.

O senador destacou ainda que não é momento de polarização da política, mas de união a fim de construir um projeto de Brasil moderno, com mais oportunidades de emprego e renda para a população. ”Sei que chego em um momento difícil do Brasil, com um país divido e polarizado em uma disputa ideológica e política muito acirrada. Não contem comigo para dividir ainda mais este país. Contem comigo para construirmos um projeto moderno para o Brasil capaz de recolocar a economia nacional nos trilhos e que seja capaz de nos ajudar a fazer os verdadeiros enfrentamos que o país precisa”, concluiu.