Sergio Moro Plenário Senado

Sergio Moro defende participação da sociedade em debate sobre Lei das Estatais

Sergio Moro defende participação da sociedade em debate sobre Lei das Estatais

Em seu primeiro discurso na tribuna, o senador Sérgio Moro (PR) defendeu, nesta terça-feira (14), uma análise profunda, responsável e coerente da Lei das Estatais, inclusive, com a participação da sociedade. O parlamentar pediu ao presidente do Congresso Nacional, Rodrigo Pacheco (PSD-MG), que o projeto de lei (PL) 2.896/2022, que trata do tema, passe por debates e audiências públicas nas comissões do Senado antes de ser apreciado pelo plenário.

“Rogo para que esse projeto de lei, aprovado pela Câmara, não tenha o trâmite açodado, como o foi. Vamos dar um passo para trás, analisar a questão com calma. Vamos amadurecer o tema com a sociedade, promover audiências públicas”, solicitou.

Em dezembro de 2022, a Câmara dos Deputados aprovou o PL 2.896/2022, diminuindo de 36 meses para 30 dias o período de quarentena pelo qual uma pessoa que tenha atuado em estrutura decisória de partido político ou em trabalho vinculado à campanha eleitoral deve passar para poder tomar posse em cargo de direção de empresa pública e sociedade de economia mista. Para Sérgio Moro, é preciso pensar no tema com cautela, sob pena de ocorrer loteamento de cargos públicos, como em outros momentos na história do Brasil.

Da tribuna, o parlamentar lembrou que com as descobertas de corrupção reveladas pela Lava Jato, a partir de 2014, foram recuperados, só da Petrobras, R$ 6 bilhões.

“É preciso entender que a corrupção erosiona a confiança que as pessoas têm na democracia. Muito do que explica o surgimento de regimes autoritários ou a desconfiança na democracia vem de um certo sentimento, por parte dos representados, de que os representantes não mais buscam o bem comum, o interesse comum, mas, sim, o interesse próprio”, reforçou.

O senador paranaense elogiou ainda o pedido de vistas, na última sexta-feira (11), do ministro do Supremo Tribunal Federal, André Mendonça, sobre a Lei das Estatais. A corte analisa ação protocolada pelo PCdoB sobre a mudança no prazo da quarentena.

“A Lei das Estatais foi aprovada em 2016, na esteira das revelações feitas pela Operação Lava Jato em que ficou possível constatar, com todas as provas robustas, de que aquela prática do loteamento político desenfreado da Administração Pública direta e indireta acaba gerando oportunidades espúrias e pessoas mal-intencionadas desviaram, sim, bilhões de Reais dos cofres públicos”, frisou. “Esse pedido de vista do ministro André Mendonça propicia que haja mais reflexão sobre uma matéria tão importante e que a sociedade amadureça o tema”, concluiu.

| Fotos: Sidney Lins Jr.
| Com informações da Liderança do União Brasil no Senado

Compartilhe
Moro relata PL que qualifica crime de massacre em escolas
20/06/2023
Em discurso na cerimônia do Diploma Bertha Lutz, Dorinha diz que luta por igualdade e direitos das mulheres será permanente
07/03/2024
União Brasil fecha acordo de cooperação internacional com o Estônia Hub
22/05/2024
Ronaldo Caiado, Mauro Mendes, Efraim Filho e Wilson Lima
Governadores do União Brasil discutem reforma tributária no Senado
30/08/2023
Três dos quatro governadores mais bem avaliados do país são do União Brasil
Três dos quatros governadores mais bem avaliados do país são do União Brasil
09/08/2023
(mt) mauro mendes
Linha de crédito do Governo de MT incentiva projetos de energia renovável nas empresas
13/06/2023
Senador Alan Rick (Fotografia: Sidney Lins Jr.)
Para ajudar o povo gaúcho, Alan Rick pede aprovação de seu projeto criando auxílio em caso de desastre natural
08/05/2024
LEI JOCA: Deputados Marangoni e Rafael Saraiva levam o tutor, João Fantazzini, para a primeira reunião do grupo de trabalho no Ministério de Portos e Aeroportos
LEI JOCA: Deputados Marangoni e Rafael Saraiva levam o tutor, João Fantazzini, para a primeira reunião do grupo de trabalho no Ministério de Portos e Aeroportos
02/05/2024
Gisela Simona (UNIÃO-MT)
Deputados do União reforçam tolerância zero à invasão de terras no país
25/04/2024
Gisela Simona (UNIÃO-MT)
Deputados do União reforçam tolerância zero à invasão de terras no país
25/04/2024
screenshot.297
Congresso: Parlamentares do União Brasil são destaque na pauta feminina
09/03/2023
4
Goiás terá Delegacia Estadual de Combate à Violência Contra a Mulher
03/04/2024
24
Manifestamos pesar pelo falecimento da presidente do União Brasil Saúde DF
03/04/2024
Foto: Instituto Índigo
Jovens Pelo Brasil discute impacto da economia sustentável na melhora da qualidade de vida do povo amazônico
12/07/2023
Executiva Nacional da União Jovem do Brasil
União Jovem realizará eventos pelo Brasil de olho nas eleições municipais
24/03/2023
Executiva do União Jovem do Brasil com o presidente nacional do União Brasil, Luciano Bivar.
União Jovem apresenta relatório e demandas a parlamentares do partido
24/03/2023
Diretórios do partido