Sergio Moro na CCJ do Senado

CCJ aprova projeto de Moro que protege quem investiga crime organizado

CCJ aprova projeto de Moro que protege quem investiga crime organizado

Texto passa a considerar crime o ato de planejar atentado contra agentes públicos e resguarda policiais alvos de criminosos

A Comissão de Constituição e Justiça do Senado aprovou, nesta quarta-feira (10), o projeto de lei (PL) 1.307/2023, do senador Sergio Moro (União-PR), que amplia a proteção de agentes públicos ou processuais envolvidos no combate ao crime organizado. O texto, relatado com parecer favorável do senador Márcio Bittar (União-AC), altera a Lei 12.850/2013 e passa a considerar crime o ato de planejar atentado contra esses profissionais, além de garantir proteção aos policiais alvos de criminosos. A proposta segue agora para análise da Câmara dos Deputados.

“A origem desse projeto é enfrentar fenômenos como este que ocorreu no Rio Grande do Norte recentemente. São organizações criminosas que se dedicam ao tráfico de drogas, tráfico de armas, lavagem de dinheiro e, de repente, transformam-se em organizações terroristas. A ideia é que, quando organizações criminosas pratiquem atos típicos com a finalidade de criar terror social, sejam tratadas como organizações terroristas”, defendeu o senador.

Sergio Moro agradeceu a atuação de Bittar, relator na CCJ, e, também, do líder do União Brasil, senador Efraim Filho (União-PB), por ter apresentado parecer favorável na Comissão de Segurança Pública (CSP). “Agradeço ainda ao senador Davi Alcolumbre (União-AP) por ter tido a sensibilidade de pautar esse projeto tão rapidamente”, acrescentou.

Entre as propostas do PL 1.307/2023, está a que prevê reclusão de três a oito anos para quem impedir ou prejudicar a investigação de crime envolvendo organização criminosa, desde que isso não seja feito por meio de crime mais grave.

O projeto estabelece também reclusão de quatro a 12 anos e multa para quem praticar o crime de conspiração para obstrução de ações contra o crime organizado. Determina ainda proteção policial a magistrados e membros do Ministério Público da ativa ameaçados em razão das suas ações de combate ao crime organizado, assim como a seus familiares.

“Hoje, se a polícia descobrir um plano de um grupo criminoso para assassinar um juiz, teria, em princípio, que aguardar o início da execução do crime antes de interferir para o que o fato se configure como penalmente relevante, o que coloca o agente público em grave risco. Propomos a antecipação da punição, para que a mera conspiração ou o ajuste para a sua prática sejam considerados crimes autônomos, sem prejuízo da aplicação da pena para os crimes planejados caso tentados ou consumados”, explicou Moro.

Compartilhe
Deputados do União representam Brasil em fórum da ONU sobre afrodescendentes
17/04/2024
Bancada do União Brasil na Câmara defende leis efetivas contra violência à mulher
11/10/2023
Em Jaraguá, 116 prefeitos respaldam reeleição de Caiado
03/04/2024
Ronaldo Caiado, Mauro Mendes, Efraim Filho e Wilson Lima
Governadores do União Brasil discutem reforma tributária no Senado
30/08/2023
Três dos quatro governadores mais bem avaliados do país são do União Brasil
Três dos quatros governadores mais bem avaliados do país são do União Brasil
09/08/2023
(mt) mauro mendes
Linha de crédito do Governo de MT incentiva projetos de energia renovável nas empresas
13/06/2023
Senador Alan Rick (Fotografia: Sidney Lins Jr.)
Para ajudar o povo gaúcho, Alan Rick pede aprovação de seu projeto criando auxílio em caso de desastre natural
08/05/2024
LEI JOCA: Deputados Marangoni e Rafael Saraiva levam o tutor, João Fantazzini, para a primeira reunião do grupo de trabalho no Ministério de Portos e Aeroportos
LEI JOCA: Deputados Marangoni e Rafael Saraiva levam o tutor, João Fantazzini, para a primeira reunião do grupo de trabalho no Ministério de Portos e Aeroportos
02/05/2024
Gisela Simona (UNIÃO-MT)
Deputados do União reforçam tolerância zero à invasão de terras no país
25/04/2024
Gisela Simona (UNIÃO-MT)
Deputados do União reforçam tolerância zero à invasão de terras no país
25/04/2024
screenshot.297
Congresso: Parlamentares do União Brasil são destaque na pauta feminina
09/03/2023
4
Goiás terá Delegacia Estadual de Combate à Violência Contra a Mulher
03/04/2024
24
Manifestamos pesar pelo falecimento da presidente do União Brasil Saúde DF
03/04/2024
Foto: Instituto Índigo
Jovens Pelo Brasil discute impacto da economia sustentável na melhora da qualidade de vida do povo amazônico
12/07/2023
Executiva Nacional da União Jovem do Brasil
União Jovem realizará eventos pelo Brasil de olho nas eleições municipais
24/03/2023
Executiva do União Jovem do Brasil com o presidente nacional do União Brasil, Luciano Bivar.
União Jovem apresenta relatório e demandas a parlamentares do partido
24/03/2023
Diretórios do partido